Estudantes carentes ganham passe livre para irem a cursos

Pessoas socialmente carentes inscritas em atividades socioeducativas e pedagógicas oferecidas pelo poder público agora têm direito à gratuidade no transporte coletivo de Cachoeiro de Itapemirim. O prefeito Carlos Casteglione sancionou nesta segunda-feira (5) a lei que concede o benefício.

A medida beneficia principalmente os estudantes que participam de cursos no contraturno escolar. É o caso de alunos matriculados na rede municipal de ensino que frequentam o Centro Integrado de Atividades Educacionais “Newton Braga” e o “Hello”, curso público de inglês.

Em agradecimento à inciativa da prefeitura, representantes desse público apresentaram números musicais durante a cerimônia de sanção da lei municipal (nº 7455). “Essa é uma forma de incentivarmos os nossos jovens a frequentarem efetivamente os cursos que nós ofertamos. Agora, o custo com transporte para deslocamento até os locais das atividades deixa de ser um entrave para que eles aproveitem oportunidades de formação que promovem o desenvolvimento integral”, ressaltou o prefeito.

Para conseguir o benefício, a partir desta terça-feira (6), os pais de estudantes – com renda familiar mensal per capita de até um quarto do salário mínimo – devem procurar o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) mais próximo de casa ou a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes) para fazer o cadastro no Programa Social do Transporte Coletivo.

A nova lei também estende o passe livre aos acompanhantes das crianças e adolescentes que já contam com o benefício para fazer tratamento médico-hospitalar. Com ela, o município ainda garante o benefício da integração a todos os beneficiários do programa, que já contempla gestantes, desempregados que buscam reinserção no mercado de trabalho e cursos de qualificação profissional, pessoas com deficiência, entre outros públicos que comprovem condição econômica desfavorável e se enquadrem nos requisitos previstos na legislação.

A concessão do benefício por meio do Programa Social do Transporte Coletivo (nº 7359/2015) não tem impacto sobre a tarifa do serviço aos demais usuários não beneficiados com gratuidade ou subsídio tarifário.

Fonte: PMCI

Últimas notícias

23/11/2022

Aplicativo móvel Ponto Cachoeiro atinge 24 mil downloads

Em pouco menos de um ano após seu lançamento, o aplicativo móvel Ponto Cachoeiro, desenvolvido para facilitar ...
25/10/2022

Transporte coletivo de Cachoeiro terá passagem gratuita no 2º turno da eleição

Os cachoeirenses poderão contar com passe livre no transporte coletivo municipal para ir votar no segundo turno das Eleiçõ...
26/07/2022

Usuários do transporte coletivo aprovam aplicativo Ponto Cachoeiro

O aplicativo Ponto Cachoeiro segue facilitando a rotina dos usuários do transporte coletivo do município. E sua adesã...
18/07/2022

Aplicativo Ponto Cachoeiro já teve mais de 10 mil downloads

O aplicativo móvel Ponto Cachoeiro, desenvolvido para facilitar o cotidiano de quem usa o transporte coletivo da cidade, já ...