0800 283 4048       28 3511-7077       28 99917-3262

Notícias

21.03.2017

Dia Mundial da Água


O dia 22 de março é marcado anualmente como o Dia Mundial da Água, data que tem o objetivo principal de criar um momento de reflexão, conscientização e elaboração de medidas práticas para resolver os problemas relacionados à água, sua qualidade e disponibilidade.

 

Em Cachoeiro de Itapemirim, o serviço de abastecimento de água potável no perímetro urbano é ofertado pelo Poder Público por meio de um contrato de concessão com validade até 2048. Dos anos 2000 até janeiro de 2017, foram construídos 194.909,65 metros de redes de distribuição. Além disso, o sistema de abastecimento de água conta com 33 reservatórios e 9 Estações de Tratamento de Água, localizadas na sede e nos distritos.

 

Desde o início da concessão até o último trimestre de 2016, segundo informações dos relatórios parciais da concessão, foram investidos aproximadamente R$ 50 milhões no sistema de abastecimento de água do Município. Porém, mesmo com um sistema de abastecimento considerado satisfatório – durante o cenário de crise hídrica por exemplo, não houve risco de racionamento ou rodízios em Cachoeiro – os desafios ainda existem.

 

Segundo Vilson Coelho, diretor-presidente da Agersa (Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Cachoeiro de Itapemirim), um desses desafios está relacionado à qualidade da água dos córregos localizados no perímetro urbano.

 

“Muitos desses córregos já contam com disponibilidade de redes coletoras. No entanto, ainda recebem lançamentos irregulares de esgoto. Além disso, as características das construções do município, abaixo no nível da rua, levam à utilização de redes pluviais para a coleta de esgoto, contribuindo para seu lançamento no rio Itapemirim, por exemplo. Portanto, a execução de um sistema de coleta de esgoto eficiente contribui diretamente para a qualidade da água”, afirmou Vilson.

 

Outra preocupação importante é em relação tanto à oferta quanto a qualidade hídrica na zona rural, uma vez que a necessidade dessa população, em muitos casos, ultrapassa o uso doméstico, considerando as atividades.

 

Ainda assim, de acordo com Vilson, vale ressaltar a importância dos bons hábitos de consumo por parte da população, de maneira a contribuir com a manutenção da quantidade hídrica.

 

“Economizar nas rotinas domésticas, reutilizar água sempre que possível e respeitar as regiões de mananciais, evitando a retirada de água irregular, bem como sua invasão e contaminação, são algumas atitudes que colaboram para essa manutenção”, alertou o diretor-presidente da Agersa.

 

Origem

 

Destinado à discussão sobre os diversos temas relacionados a Água, o dia 22 de março foi instituído pela ONU, em 1992, por sugestão da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, passando a ser comemorado a partir de 1993 como Dia Mundial da Água. A razão para criação deste dia baseou-se na pouca quantidade de água potável disponível no planeta – cerca de 0,0008% do total.

 

A necessidade dessa discussão em torno deste recurso natural finito, se confirma quando constatamos que grande parte das fontes de água está contaminada, poluída e degradada, o que compromete o abastecimento futuro da população.

 

Anualmente, a Organização das Nações Unidas escolhe um tema para ser debatido no Dia Mundial da Água. Para 2017, o tema é Água Residual.

 

 

Transparência

Transparência

Legislação

Ouvidoria

Tarifa Social

Ouvidoria
Prefeitura Municipal de Cachoeiro de Itapemirim ABAR - Associaçã Brasileira de Agências de Regulação

0800 283 4048       28 3511-7077       28 99917-3262


Rua Prof Quintiliano Azevedo, 31 - Centro - Cachoeiro de Itapemirim - ES - CEP: 29300-195

Agersa

© 2015 AGERSA. Todos os direitos reservados.